Categoria: Social

Dia de Responsa levará mais de 1.400 funcionários da Cervejaria Ambev da Bahia para conscientização sobre beber com moderação

Cervejaria Ambev comemora décima edição da data e mobiliza funcionários de todas as suas unidades pelo Brasil para reforçar a importância do consumo inteligente de bebidas alcóolicas

Nesta sexta-feira (13), acontece o Dia de Responsa, evento anual da Cervejaria Ambev (dona de grandes marcas como Skol, Brahma, Colorado, Budweiser e Stella Artois) pela conscientização sobre o consumo inteligente de bebidas alcóolicas. Ao todo, mais de 30 mil funcionários da companhia, dona de marcas como Skol, Brahma e a água AMA, vão percorrer mais de 1 milhão de bares, restaurantes e supermercados pelo país. Em Salvador, a rota envolverá cerca de 1.200 funcionários. A iniciativa é celebrada ainda em outros 24 países pela AB InBev, grupo do qual a Cervejaria Ambev faz parte.

A campanha, que vem evoluindo a cada ano, contará desta vez com ações nas redes sociais da companhia, contribuindo para ampliar a reflexão sobre a necessidade de se beber com responsabilidade e gerar mais engajamento. Já durante a mobilização presencial, será distribuído às equipes dos pontos de venda um ‘toolkit’ contendo materiais informativos e de comunicação. Os funcionários receberão uma cartilha com orientações sobre consumo inteligente nos ‘bares de responsa’, além de um vídeo e cartazes com frases e efeitos visuais que remetem ao tema.

“Nós sabemos do nosso papel e não temos interesse no lucro que venha do consumo indevido dos nossos produtos. Por isso, defendemos que a discussão sobre consumo moderado seja cada vez mais presente na vida das pessoas para que possamos avançar na consolidação de uma cultura de responsabilidade e respeito quando falamos sobre bebidas alcóolicas. No Dia de Responsa, levamos essas mensagens tanto para quem vende quanto para os consumidores, com o objetivo de que esse conhecimento se multiplique”, diz Anna Paula Alves, responsável pela plataforma de Consumo Inteligente da Cervejaria Ambev.

O Dia de Responsa faz parte do Programa Ambev de Consumo Responsável. Lançada em 2003, a plataforma inclui iniciativas que fomentam políticas públicas e oferecem metas efetivas nas áreas de saúde, trânsito e educação. Essas ações contribuem com as metas globais da AB InBev para o consumo inteligente. Anunciados em 2015, os compromissos públicos têm como objetivo promover mudanças nos hábitos dos consumidores e criar uma cultura de moderação em todo o mundo.

 Entre as metas divulgadas estão: o aumento da participação de produtos não alcoólicos ou com baixo teor de álcool no volume total de vendas da empresa para 20% até 2025; o investimento de, no mínimo, US$ 1 bilhão em campanhas e programas de conscientização dos consumidores nos próximos nove anos; a garantia de que, até 2020, todas as embalagens de cerveja trarão mensagens e orientações sobre o consumo inteligente; e a redução de até 10% do consumo nocivo de bebidas alcoólicas em nove cidades no mundo até 2020.

Gilmelândia causa no evento Eu Brinco, Eu Existo, da Caravana Amora

As últimas apresentações da Caravana do Amora com o evento Eu Brinco, Eu Existo, acontecem nos dia 20 e 28 de maio, nos bairros de San Martin e Periperi, respectivamente. Durante três meses, o projeto percorreu escolas públicas da região metropolitana levando representatividade e práticas de promoção de igualdade racial através de atividades lúdicas envolvendo contação de histórias com uma boneca humanizada, abordando questões como estética e cultura afro, diversidade étnica e história africana. Desta vez, a cantora Gilmelândia, madrinha do projeto, participa fazendo números de mágica e levando música e mensagens afirmativas para as crianças.

“Eu amo o Amora porque desde que conheci o projeto fiquei encantada com a valorização que faz da criança, de ensinar a ela a ter autoestima, amar o cabelo dela, amar a cor dela, afinal é muito importante quando o ser humano se ama porque ela vai espalhar esse amor pelo mundo, essa autovalorização, porque a gente só pode amar o outro se a gente primeiro se amar”, observa Gilmelândia, que esteve no último dia 16 junto com o Amora na escola Quingoma, no bairro Caji, em Lauro de Freitas.

Gilmelândia começou a cantar ainda criança. A irreverência e o jeito moleca, características de Gil, marcam a sua carreira nos palcos. A energia contagiante dos shows mostra que a presença dela sempre foi um diferencial. “Tenho uma relação muito forte com o projeto e também estudei em escolas públicas. Sou apaixonada pelo Amora”, completa Gil. O evento Eu Brinco, Eu Existo é parte das ações do “Mais que brinquedos, representatividade”, único projeto baiano selecionado, dentre 172 inscritos, pelo edital Negras Potências realizado em 2018 em parceria entre o Benfeitoria e o Fundo Baobá.

O professor Paulo Henrique, coordenador do Lab Social, ambiente de negócios sociais da Unifacs, onde o projeto Amora foi germinado, pontua que o Amora é o “principal case de inovação social com foco em venda de produtos infantis, porque essa inovação é trabalhada em várias vertentes: criatividade, relacionamento com clientes, canais, parcerias, tornando o negócio sustentável e contribuinte para a construção de uma política pública de trabalho em escolas municipais, para o enriquecimento sociocultural dessas crianças.”

Por desenvolver brinquedos que auto afirmam a identidade étnica da criança que brinca com eles, o Ateliê ganhou em 2017 o Prêmio International Laureautte de Empreendedorismo Social, que Paulo pontua como “um divisor de águas” na jornada do Amora: “foi para o projeto e foi para nós também, para que percebêssemos o quanto vale confiar no empreendedor que está à frente de um negócio. A parceria entre o Amora e o Lab Social é contínua e vemos o projeto como um importante multiplicador da importância do impacto social.”

“Montamos uma rede com importantes parcerias e apoios para ampliar o alcance da mensagem do Amora como negócio social, que vem resultando no crescimento do projeto, no seu alcance e na aparição dos primeiros resultados”, afirma Ivanna Soutto, Especialista em Gestão Cultural, mentora do projeto há dois anos.

Em 2018, além do Negras Potências, o Amora foi selecionado no primeiro semestre para ser pré-acelerado pela Vale do Dendê, uma holding social que fomenta o ecossistema de inovação e criatividade da cidade de Salvador, com foco no desenvolvimento do protagonismo dos jovens afro-brasileiros. Ainda nesse mesmo ano foi um dos 9 projetos (dentre 230 inscritos, oriundos de 16 países) que recebeu menção honrosa no Here for Good, premiação internacional que reconhece iniciativas de impacto social que conferem um bem à sociedade.

Jaciara Nogueira dos Santos Araújo, diretora da Escola Municipal Saturnino Cabral, uma das 12 escolas selecionadas pelo projeto, fala da sua alegria de ter visto um projeto como o Amora acontecendo na escola localizada no bairro Cosme de Farias: “Estamos aqui em um ambiente humilde, cercado de violência urbana, porém a comunidade acredita na escola, e escola realmente acredita no poder da educação. Aqui os meninos são extremamente interativos e educados, o que desmistifica isso de que a criança pobre é mal educada. Complicado é você ir para o shopping, ir nas lojas e não encontrar um brinquedo que pareça com você: tem que ter representatividade no brinquedo!”.

Criado e gerenciado por Geo Nunes, especialista em Design Estratégico, o Amora Brinquedos Afirmativos, em apenas três anos de atuação, já impactou a vida de centenas de pessoas, envolvendo costureiras e artesãs capacitadas com a tecnologia social de produção de bonecos, crianças impactadas diretamente através das oficinas e aquisição de bonecos e bonecas pretas e pessoas impactadas em palestras e oficinas que discutem representatividade negra infantil. Hoje, a cada peça vendida, uma é doada.

 

Fulô de Mandacaru e Margareth Menezes juntos no Mercado Iaô

A poeira vai subir no arraiá do Mercado Iaô Junino, que será comandado pelo cantor Del Feliz nos domingos 26 de maio e 02 e 09 de junho, das 13 às 21 horas, na Ribeira. Na abertura, o forrozeiro vai receber a cantora Margareth Menezes e a banda Fulô de Mandacaru, além de contar a participação especial de vários artistas ao longo do evento.

Nos três domingos, vários forrozeiros também serão convidados por Del Feliz para participar gravação do clipping do Hino do São João da Bahia, música de sua autoria, gravada por mais de 40 artistas.

O Mercado Iaô, novo espaço multicultural da cidade, apresenta sua versão junina para a festa mais tradicional da Bahia. Com o compromisso de valorizar a cultura de raiz e o fortalecimento da identidade da nossa terra, se veste como uma praça do interior e com uma repleta programação cultural, reunindo gastronomia, artesanato, barracas com brincadeiras e muitas atrações no Coreto Iaô.

Forró beneficente no Pelourinho em prol de crianças com HIV

Neste sábado (25) tem forró beneficente no Pelourinho. A Praça Pedro Arcanjo será palco do Alto Astral Fest, evento animado pelas bandas Colher de Pau, A Patroa, Zeliro Miranda e Norberto Curvello.

A iniciativa é da Instituição Beneficente Conceição Macêdo (IBCM), que espera arrecadar verba e latas de leite em pó em prol de crianças que convivem com o HIV. O clima será de celebração e solidariedade. Os ingressos estão à venda nos balcões de ingressos dos principais shoppings da cidade e serão vendidos na bilheteria na Praça Pedro Arcanjo, no dia do evento.

Mariene de Castro faz show em homenagem a Beth Carvalho

Depois de uma temporada bem sucedida de quatros shows do Santo de Casa em Salvador, Mariene de Castro retorna à capital baiana e se apresenta no dia 25 de maio (sábado) na Concha Acústica do Teatro Castro Alves. A proposta é transformar a Concha Acústica em um reduto de samba nesta noite, no projeto que leva o nome “Samba na Concha”. Os ingressos estão à venda nas bilheterias do Teatro Castro Alves e nos SACs dos shoppings Barra e Bela Vista, além do site www.ingressorapido.com.br.

“Salvador é a minha cidade, cantar aqui sempre vai me trazer uma emoção especial. E a Concha Acústica é um palco sagrado. Poder levar o samba para aquele espaço, em uma noite dedicada ao samba, para o público baiano, é emoção sem fim”, declara a cantora.

Na ocasião Mariene apresenta os principais hits da carreira, além de clássicos do samba nacional. Para o público baiano, o show especial mistura elementos apresentados nos shows “Santo de Casa” e “Roda a Baiana” – novo projeto da artista que lotou o Circo Voador, Rio de Janeiro, neste mês, e que chega a Casa Natura, em São Paulo no dia 31 de maio. “Ilha de Maré”, “Falsa Baiana”, “Amuleto de Sorte”, “A Pureza da Flor”, “Oxossi” e “Conto de Areia” são canções que vão marcar presença no repertório da noite.

Mariene prepara ainda para a ocasião uma homenagem à sambista Beth Carvalho, que morreu em abril no Rio de Janeiro.

Mariene despontou no cenário musical brasileiro identificada como uma força da natureza. Roque Ferreira – conterrâneo e um dos compositores preferidos dela – intuiu certa vez que ela nunca subia ao palco sozinha: alguma força superior entrava com ela em cena e impregnava sua música. Mariene consegue unir no repertório diferentes matizes do gênero, lançando luz em sambas de roda pouco conhecidos, além de dar nova roupagem a clássicos do ritmo.

Monica San Galo e grandes atrações musicais no Yacht Club

Os 84 anos do Yacht Clube da Bahia ganham comemoração festiva no dia 31 de maio, no seu Salão de Eventos. A noite para associados e seus convidados será embalada pelos acordes da M&I Eventos Musicais, dos músicos Marcelo Melo e Ítalo Coutinho e pela voz do cantor Beto Narchi.

O restaurante Veleiro assina o cardápio. No dia 1º de junho às 11h30 acontece para os sócios o tradicional brinde no espaço Rosa dos Ventos, ao som da banda da Marinha. Monica San Galo, uma artista multifacetada, sobe ao palco montado no restaurante Veleiro para se apresentar na “Quinta Musical” do Yacht Clube da Bahia às 20h30 do dia 23 de maio.

Na noitada pontuada pela alta gastronomia os aplausos vão para o repertorio onde brilham composições de Chico Buarque, Isolda, Dominguinhos e Edith Piaf, além das autorais “Súplica” e “Samba da Vizinha” e para os momentos de sintonia com a artista, uma excelente contadora das historias e impressões que fazem parte dos seus vinte e cinco anos de trajetória artística. Aberto ao publico. Reservas: 2105 9131

PRAIA LIMPA: Corona lança desafio On Line contra o lixo plástico nas praias brasileiras

Marca de cerveja se junta com o Instamission para incentivar consumidores a recolherem lixo de paraísos locais e compartilharem fotos para concorrer a uma viagem para a etapa de J-Bay, do Campeonato Mundial de Surfe

Corona, a marca de cerveja que te convida a aproveitar a vida perto da praia e a proteger esse paraíso natural, lança mais uma ação a fim de envolver seus consumidores em sua causa com a Parley for the oceans, contra a poluição marinha por lixo plástico.

Junto com o perfil @instamission, Corona vai desafiar a galera a registrar e entrar em uma #JornadaPraiaSemPlástico para concorrer a uma viagem com tudo pago para a etapa de J-Bay, do Campeonato Mundial de Surfe, que acontece de 9 a 22 de julho, na África do Sul.

Para participar, é simples. Ajude a limpar o lixo plástico da praia, tire uma foto e publique no seu perfil, colocando a hashtag #JornadaPraiaSemPlástico. A promoção é válida no período de 14 a 28 de maio. A melhor foto vai ganhar uma viagem para a África do Sul, e o resultado será divulgado no dia 10 de junho. Para conferir o regulamento completo, acesse  bit.ly/jornadapraiasemplastico.

“Essa ação vem reforçar a mensagem de que a poluição gerada pelo lixo plástico nos oceanos é um problema real e que precisa ser combatido a partir da conscientização e do engajamento das pessoas”, afirma Fernanda Federico, gerente de marketing de Corona. “O desafio #JornadaPraiaSemPlástico reforça que se nos juntarmos agora podemos combater a poluição de lixo plástico nos oceanos salvando assim a vida marinha”, finaliza a executiva.

A seguir, confira algumas dicas de como ter uma foto vencedora:

  • Seja genuíno: é legal que as fotos recebidas sejam menos sobre produção e visual e mais sobre a causa. E importante disseminar a importância de se recolher o lixo das praias para garantir um futuro melhor para o nosso planeta e aproveitem para retratar isso em suas fotos, engajando toda a comunidade e mostrando que cada um tem um papel importante nesse processo.
  • Quanto mais lixo recolhido, melhor: novamente, em #JornadaPraiaSemPlástico o ideal é que você mostre que realmente está fazendo a diferença, retirando o lixo plástico do paraíso e dando o destino final correto para que ele seja reciclado e não acabe no fundo do mar.
  • Envolva outras pessoas com você nessa jornada: apesar de ser um prêmio para um único vencedor, essa ação é por uma boa causa. Por isso, junte seus amigos e mostrem como vocês, juntos, podem fazer uma grande diferença.

MÊS DAS NOIVAS: Nanö Beach Club dá 5 dicas para fazer um casamento na praia

Realizar a cerimônia à beira-mar tem se tornado uma tendência cada vez maior entre casais

Celebrar a união num ambiente idílico à beira-mar é um desejo de muita gente que pensa em fugir das cerimônias tradicionais e incluir mais charme e personalidade às suas festas. O Nanö Beach Club, espaço de veraneio localizado em Subaúma, no Litoral Norte, oferece um espaço amplo para realizar este sonho e dá 5 dicas para realizar uma bela festa de casamento na praia.

1. Planeje-se com antecedência

As datas mais fortuitas para celebrar este tipo de cerimônia é entre o meses de outubro e março, cobrindo totalmente a época de poucas chuvas no estado. Por conta do clima, é bom se antecipar. O ideal é que o casal entre em contato com os locais em que planejam fazer a cerimônia com de oito a doze meses de antecedência. Em locais como o Nanö Beach Club, as demandas para este serviço têm aumentado significativamente, o que intensifica a necessidade do planejamento cuidadoso.

2. Contrate uma assessoria personalizada

Entrar em contato com uma assessoria habituada à produção de casamentos, em especial casamentos realizados no litoral, é essencial para evitar dores de cabeça neste processo. Na maioria dos casos, os noivos não têm experiência com a produção destes eventos e uma assessoria especializada ajuda a evitar vários problemas à vista.

“A assessoria vai ajudar no contato dos casais com os melhores fornecedores da região, por exemplo”, explica o consultor de empresas no segmento de casamentos Jorge Grumete, que trabalha na intermediação dos noivos com os locais que realizam os casamentos à beira-mar no Litoral Norte. Parceiro do Nanö, Jorge garante que um bom serviço de assessoria pode garantir redução de até 10% no investimento final.

3. Prefira os horários em que há menos sol

Os horários preferíveis para realizar festas de casamento à beira-mar são as chamadas “horas douradas”, tradução para o termo golden hour, que indica os horários em que os raios do sol não estão tão intensos e gera um aspecto dourado no céu. Estes momentos acontecem logo ao amanhecer e ao final da tarde, próximo ao pôr-do-sol. Com raios solares menos intensos as fotografias ficarão melhores e a cerimônia, mais amena.

4. Fique atento(a) com a questão da hospedagem

Casamentos à beira-mar quase sempre significam um deslocamento incomum para a maioria dos convidados, afinal, os locais escolhidos para sediar a cerimônia costumam ficar um tanto distantes das cidades. Para isso, é indispensável ficar atento em relação à hospedagem das pessoas que vão participar da celebração e que não vão poder voltar para as suas casas no mesmo dia.

O Nanö Beach Club, que oferece seu espaço para receber festas de casamento, por exemplo, evita que os noivos precisem lidar com este problema. O clube localizado em Subaúma é parceiro de hotéis vizinhos que podem receber até mais de 200 hóspedes, dando comodidade aos convidados dos casais. Iniciativas do tipo ajudam os pombinhos a não terem dor de cabeça a respeito disso.

5. Prefira roupas leves e cores claras

Há poucas regras num tipo de cerimônia tão fora dos padrões quanto as celebradas à beira-mar, mas a única que deve ser veementemente respeitada é o uso de roupas leves e cores claras na hora do casório. Combinando com a paisagem natural, vestimentas de cores branca, bege, ocre, ou mesmo coral, azul marinho, tons amarronzados ajudam a compôr um cenário homogêneo e romântico.

Faculdade Baiana de Direito organiza mesa de debate sobre a luta pelos direitos das mulheres no dia 8 de março

Evento tem por objetivo integrar homens e mulheres em torno da discussão acerca da igualdade de gênero

 

Quais foram os avanços e os retrocessos vividos pelas mulheres em relação à luta por igualdade de gênero? Quais impactos sofrerão as mulheres de várias classes sociais em virtude das reformas econômicas recentes? Quais os papéis que podem ser desempenhados pelos homens nesta jornada contra o machismo e a violência de gênero? Estas e outras perguntas serão respondidas no evento “Elas pelo direito e eles por elas”, promovido pela Faculdade Baiana de Direito em celebração ao Dia Internacional da Mulher, nesta sexta (8), a partir das 8h, na sede da instituição, Costa Azul.

“É uma data que nos motiva a refletir, a pontuar e articular os próximos passos na luta por nossos direitos, por igualdade real e, principalmente, na luta contra a violência”, declara a professora da instituição Carolina Grant, coordenadora do evento e pesquisadora nas áreas de direitos humanos, gênero e diversidade. O evento será composto por uma mesa de discussão sobre os direitos femininos e por uma roda de conversa sobre a construção da masculinidade e sua relação com a violência contra a mulher.

Dentre os participantes da discussão, estão a própria professora Carolina Grant, a primeira assistente administrativa transexual da Faculdade Baiana de Direito Sellena Ramos, a doutoranda em Jurisdição Constitucional e Novos Direitos Adriana Brasil Vieira Wyzykowski, a professora da Faculdade Baiana de Direito Cláudia Albagli, além do professor de Direito Constitucional Gabriel Marques.

Também estarão presentes a palestrante Nide Nobre, a mestre em Direito Público Anna Carla Fracalossi, o advogado e professor Valter Almeida, o historiador e pesquisador de gênero Savio Roz e o ativista transexual e graduando em comunicação João Hugo. O evento é aberto ao público e tem entrada gratuita.

Doação: Um sábado especial para os Idosos do Abrigo São Gabriel

Funcionários da Ambev de todo o país se mobilizaram, no último sábado (01), para desenvolver diversas atividades em ONGs e instituições filantrópicas com o intuito de reverberar o espírito da solidariedade. Em Salvador, cerca de 20 funcionários passaram a manhã no abrigo São Gabriel para Idosos de Deus, localizado no bairro Boa Viagem, Cidade Baixa, levando carinho, amor e, principalmente, atenção.

Uma surpresa para todos, dona Jandira Melo Viegas, 80 anos, que está no abrigo há cerca de dois anos, disse que trabalhou na Ambev, na unidade de Camaçari, por 15 anos. “Foi o melhor lugar que trabalhei em toda a minha vida. Até hoje falo, com muito orgulho, que trabalhei na maior empresa do mundo”, conta Jandira.

“Foi muito gratificante poder trocar experiências com tantas pessoas especiais. Na Ambev temos o grande sonho de unir as pessoas por um mundo melhor. Com este Dia do VOA, estamos dando mais um passo em direção a esse objetivo. afirma Vânia Moraes, gerente regional de Gente e Gestão da Ambev.

 

A boa ação, batizada como Dia do VOA, antecipou o Dia Internacional do Voluntariado, celebrado anualmente no dia 05 de dezembro, porque dialoga com um dos sonhos da Cerveja Ambev: unir as pessoas por um mundo melhor.

O VOA é um programa criado pela companhia para compartilhar conhecimentos de como transformar sonho em prática e tem como objetivo ajudar organizações sociais a fazerem uma melhor gestão de pessoas, carreiras, orçamento e processos para que elas consigam alcançar seus sonhos grandes com mais qualidade e de maneira mais rápida.

© 2019 - TV Aratu - Todos Direitos Reservados
Rua Pedro Gama, 31, Federação. Tel: 71 3339-8088 - Salvador - BA